UFC: Jon Jones disse: “Minha próxima luta será contra Rampage Jackson”

UFC: Jon Jones disse: “Minha próxima luta será contra Rampage Jackson”
Compartilhe:

A lesão na mão que Quinton “Rampage” Jackson sofrido no último sábado, no UFC 130 é grave – mas talvez não seja grave o suficiente para parar a sua carreira.

No meio-pesado campeão de Jon “Bones” Jones (13-1 MMA, 7-1 UFC), diz ele, Rampage Jackson (32-8 MMA, 7-2 UFC) receberá a chance de seu cinto.

“Eu estarei lutando com ‘Rampage’ Quinton Jackson na próxima luta”, disse Jones MMAjunkie.com (www.mmajunkie.com) na quinta-feira. “Eu não estou autorizado a discutir a data, porque eu ainda não assinei o contrato, mas sim, será muito em breve”.

O anúncio pode vir como uma surpresa para aqueles familiarizados com a condição de saúde de Rampagem. A Comissão Atlética de Nevada suspendeu esta semana logo após sua vitória sobre Matt Hamill no UFC 130, no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas. O ex-campeão machucou a mão esquerda e poderá ser suspenso até o dia 25 de novembro. Ele pode, no entanto, ser liberado do afastamento antes do previsto por um médico ortopedista.

Quinton Jackson disse que primeiro ele machucou a mão enquanto farreava com os companheiros durante as férias e que machucou novamente no octógono. No entanto, com a gravidade da lesão, o presidente do UFC Dana White tinha dito que poderia dar Lyoto Machida e Rashad Evans a chance do cinturão, mas que já foi deixado de lado.

“Bones” tem lidado com seus próprios ferimentos, ou especificamente, com a lesão. Ele deve ser submetido a uma cirurgia no ligamento da mão, que desfez a luta com Rashad Evans no UFC 133. Com a promoção, fez Rashad Evans reservar uma luta com o destaque Phil Davis para o dia 06 de agosto. Logo depois, Jones deixou os fãs de surpresa quando ele anunciou que o seu médico decidiu não fazer a cirurgia e que ele deve voltar para o octógono no outono. Mas os funcionários disseram que era tarde demais para cortar a luta entre Rashad Evans e Phil Davis para o UFC 133.

Jones disse quinta-feira que sua mão está boa e vai ser bom ir para briga com Quinton Jackson.

Quando ele gostaria de voltar para a gaiola?

“Setembro”, disse ele.

Se Jones voltar, existem duas opções: “UFC Fight Night 25″ que está agendado para 17 de setembro em Nova Orleans, e o UFC 135 que está prevista para 24 de setembro, em Denver. No entanto, a vantagem financeira é muito maior para Jones com um evento sendo em pay-per-view, já que ele recebe uma parte dos lucros.

Assim, o UFC 135 parece uma provável opção, isso é, se o campeão poder seguir em frente.

Compartilhe: